Consultório sentimental
Consultório sentimental sobre o amor...

06 Abril 2010

"Será que ele gosta de mim???

 

Olá... meu nome é Fernanda., tenho 18 anos e há 3 anos sou apaixonada por um amigo do meu irmão que hoje também o considero como amigo. Ja fizemos muitas festas juntas e (...) acabei me tornando muito amiga de sua irmã. (...) Durante estes 3 anos não me manifestei de forma alguma por saber que ele me achava infantil de mais e por saber que meu irmão nunca aceitaria que a gente tivesse algo junto, por isso fiquei no anonimato por todo este tempo, curtindo minha vida e indo na casa dele com sua irmã sem ao menos deixa-lo perceber que era apaixonada... (...)Minha vida sempre foi cheia de turbulências (...) e o desrespeito predominou e predomina em minha casa. (...) Vou lhe falar abertamente no assunto principal do problema, o R.
Ano passado quando completei 18 anos dei-me por conta de que ja estava grandinha o sufiente para assumir meus sentimentos e lutar por eles. Sempre fui muito perseverante e guerreira, e também sonhadora, por isso tenho tenho perseverança de que tudo no final acaba bem... Bom decidi-me então mostrar meus sentimentos... levei 3 foras e com isso fiquei na retaguarda, até que certo dia tirei as cartas com uma amiga minha que é taróloga de mão cheia e ela me falo que ainda vamos ter algo juntos, algo muito forte e que ele tem uma atração por mim, mas não se abre por ter medo de meu irmão. Ao saber disso não lhe dei mais nenhum vestígio de que ainda queria ele para mim, mas... a uns 4 meses tenho lhe mandado mensagens p/ o celular dizendo coisas legais, nada de estou apaixonada por vc e nem te amo, mas coisas de ânimo, como um simples bom dia ou coisas parecidas.... Com isso há 1 mês atras fiquei sabendo que ele gostava muito de receber as mensagens e que ficava muito feliz quando eu as mandava e sabia sim que era o remetente... E eu lhe pergundo, o que eu faço agora? Por favor me responda, preciso de conselhos... Um abraço Fernanda!
                                                                                 Fernanda. 18 anos

Cara F:

 

Tu és uma jovem rapariga cheia de espectativas sobre o que poderá acontecer com o R. Mas tens de ter em consideração que o facto de ele apreciar as mensagens não significa que ele sinta a mesma coisa por ti. Podes ter novamente uma grande desilusão. E um dos possíveis motivos para ele não te corresponder deve-se ao facto de ele ser amigo do teu irmão e possa ter algum receio de se envolver contigo, mesmo que esteja atraído por ti.
Mas tu tens de seguir o teu coração. Parece-me que os teus sentimentos pelo R. são muito fortes e que quer o teu coração, quer a tua cabeça o querem.
Tu tens de lutar para conseguires alcançar a felicidade que procuras. Tu já tens motivos para pensar que ele gosta de ti, pelo facto de apreciar imenso as mensagens que tu lhe envias. Isto pode ser um primeiro passo para conquistar-lhe o coração.
Tu és uma pessoa forte e corajosa, mas a questão principal é a seguinte: tu podes tentar mostrar-lhe outra vez o que sentes, mas deves estar preparada para a reacção dele. Para o melhor e para o pior. Mas se não arriscares, nunca saberás o que poderia ter acontecido. Por isso, acho que deves arriscar e declarar-te outra vez. Mas a decisão é tua. Boa sorte para a tua vida.

 

Um abraço
Dr. Coração"

publicado por Dr. Coração às 00:04

Abril 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
15
16

18
19
20
21
22
23
24

28
29


pesquisar
 
Enviar Carta

Para enviar uma carta clica no botão seguinte:

 

Enviar carta

 

 

Ou envia para:

drcoracao@drcoracao.com

blogs SAPO