Consultório sentimental
Consultório sentimental sobre o amor...

06 Dezembro 2010

Caro Dr. Coração:

O meu namorado tem um comportamento sarcástico comigo. Em um tom de desmancha, ele às vezes faz comentários de desaprovação às coisas que eu faço e penso, mas sempre com tom de desmanchar, nunca em tom de crítica construtiva.
Namoramos há quase dois anos e meio, e ele sempre teve esse modo de agir, mas antigamente, até porque não pensava em manter um namoro com ele, eu não ligava muito. Mas o tempo foi passando, eu me envolvi sentimentalmente mais do que pensava, e essa forma de agir está-me irritando.
(...)A minha dúvida é que não sei se eu sou a exagerada e não sei levar as coisas na desportiva ou se realmente ele passa dos limites...
(..) Só que às vezes, esse tipo de brincadeira magoa, principalmente se for feita muitas vezes.
Aí, eu já começo a pensar se ele gosta de mim de verdade...
Já me abri a esse respeito com ele, e ele diz que me ama muito, e que essa é a maneira de ser dele...
(...) Não sei o que eu faço...
 
                                                                      Elen

Cara Elen:

Parece-me claro que a tua relação não está a passar por uma fase muito saudável. O teu namorado não te está a tratar com o respeito que mereces, pois ele devia apoiar-te nas alturas em que mais precisas, e não desanimar-te ainda mais. As coisas não estão fáceis, e tu estás a começar a ficar farta da reacção dele, pois como tu bem dizes, ao fim de algum tempo, acaba por te magoar.

Ainda por cima, tu já falaste com ele, e ele diz que é essa a forma de ser dele e que não quer mudar por ti e que tu tens de aguentar. Acho que isso é um sinal de que estás numa relação em que tens de ser tu a abdicar de algo. Numa relação com futuro, quando as coisas não estão a correr bem, ambos estão dispostos a fazer sacrifícios para que as coisas melhorem. Quando uma das partes não quer fazer esse esforço e a outra parte já começa a acreditar que as coisas não vão mudar, é um sinal de que talvez seria melhor acabar com a relação, pois ela não tem futuro. Assim, mais vale acabar agora, antes que as coisas piorem mais. Mas a decisão é toda tua. Só espero que penses no que te disse.

                                                                        Dr. Coração

publicado por Dr. Coracao às 23:38

28 Novembro 2010

Caro Dr. Coração:

 

Conhheci um rapaz na praia ano passado. Curtimos varias vezes,so que fui embora. Ele me passou-me o número de telefone e depois de algum tempo liguei pra saber como estava. Conversamos numa boa, e apeguei-me muito a ele. Sofri muito por não estar perto dele. Então nasceu o amor. Ele mora na mesma cidade que eu.

Quero encontra-lo mas sempre que ele me convida eu invento uma desculpa. Tenho medo de me magoar, porque ele mete-se com muitas raparigas. O que eu faço? Nao aguento mais viver longe dele.

 

                                                                 Anónima

 

Cara Anónima:

 

Tu gostas muito desse rapaz, mas tens medo de te envolver com ele, uma vez que ele não é pessoa para ter uma relação séria. Ele está interessado em ti, mas tu no teu íntimo tens receio de que ele te magoe, pelo que evitas os convites dele. Tens de tomar uma decisão importante. Se tu achas que ele é capaz de mudar, então tens de ter coragem e aceitar o convite dele e ver como as coisas correm. Corres o risco de ainda de apaixonar mais por ele e assim sofrer ainda mais se as coisas não correrem bem. Mas se tu achas que ele nunca vai mudar por ti, então mais vale deixar de pensar nele e continuar com a tua vida. Irás sofrer agora, mas pelo menos sofrerás menos do que poderias sofrer no futuro se ele te enganasse. A decisão não é fácil, pelo que tens de ouvir o teu coração e pensar no que ele estaria disposto a fazer por ti.

 

                                                                  Dr. Coração

publicado por Dr. Coração às 21:11

Janeiro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


subscrever feeds
pesquisar
 
Enviar Carta

Para enviar uma carta clica no botão seguinte:

 

Enviar carta

 

 

Ou envia para:

drcoracao@drcoracao.com

blogs SAPO