Consultório sentimental
Consultório sentimental sobre o amor...

21 Julho 2012

Caro Dr. Coração:

Eu não sei o que fazer, namorei por 3 anos, ele não morava na minha cidade estudava fora qundo ele voltou, parecia outra pessoa nem mim deu atenção direito mesmo assim não teve coragem termina, simplesmente foi embora sem me avisar...quando eu soube eu quis morrer. a dor foi tão grande que eu não queria mais viver,

Ate hoje não sei nada dele, estou tentando viver. Estou-me esforçando muito. Ta difícil. simplesmente eu não sei oque eu faço…

 

Anónima

Cara Anónima:

Tu tens de continuar com a tua vida. Já percebeste que ele não gosta de ti, pelo que não merece que penses nele. E acima de tudo, não merece que tu estejas a sofrer por causa dele.

Não deve ser nada fácil, sentir-te rejeitada desta forma. Mas tens de ter força e lutar para continuar com a tua vida. O tempo ajudará a esquece-lo. Mas até lá é normal que ainda continues a sofrer por ele. Mas dia a dia, as coisas serão mais fáceis. Mas tens de pensar que ele não merece que estejas a sofrer tanto por ele. E tens de pensar que um dia encontrarás alguém que ajude a curar o teu coração partido.

 

Dr. Coração

publicado por Dr. Coração às 21:11

24 Março 2012

Caro Dr. Coração:

 

Sou uma pessoa que se apega muito facilmente às pessoas...daquele tipo que fica
uma vez e já sente vontade de dizer que ama...sou extremamente carinhosa,e
confesso que até mesmo ás vezes sou pegajosa...mas não sei ser de outro
jeito!me entrego de coração mesmo,pois sou uma pessoa muito carente...

Sou daquele tipo que liga vezes e vezes!

Sei que homem não gosta disso...

Mas eu gostaria de mudar...

Eu sou uma pessoa muito intensa...e acabo sofrendo muito com isso...porque na
maioria das vezes eu não sou correspondida com tal afeto...

O que devo fazer pra melhorar???Me ajude!

 

Anónima

 

Cara Anónima:

 

Tu tens uma personalidade muito própria e acabas por te
afeiçoar demasiado depressa, mesmo quando a relação está numa fase inicial. Tens
de ter muita calma, sob pena de afastar as pessoas de quem gostas, pois elas
sentem-se pressionadas pelo facto de tu te mostrares demasiado carinhosa e
pegajosa, mesmo numa fase muito inicial da relação.

Tu tens de ter paciência e dar tempo ao tempo. E tu sabes no
teu íntimo que tens de mudar. Tens de dar tempo para a relação crescer aos
poucos e os dois em conjunto descobrirem o que realmente sente um pelo outro.
Caso contrário, irás continuar a afastar pessoas que talvez com o tempo
poderiam vir a sentir por ti o mesmo que sentes por ela.

 

Dr. Coração

publicado por Dr. Coração às 23:50

04 Março 2012

Caro Dr. Coração:


Amo muito o meu namorado mas sei que o amor que ele sente por mim nao e o mesmo do meu. diz me que por mais que tente falta algo.. sei que anda a procura de um amor como o primeiro.

Por mais que tente nao sei o que fazer ele nao consegue esquecer o amor que sentiu por ela . terei que ser eu a fazelo esquecer mas nao sei como. ja
tentei de tudo nao sei mais que fazer..

                                                        
Anónima

 

Cara Anónima:

 

Na grande maioria das vezes, nunca esquecemos o nosso primeiro amor. Mas muitas vezes duas pesoas que se amam, não ficam juntas, por
circunstancias da vida. E foi isso que aconteceu ao teu namorado, que sente que as coisas são diferentes contigo.

Mas se tu gostas mesmo dele, tens de tentar demonstrar-lhe que o vosso amor pode ser diferente do anterior. Naõ melhor, nem pior. Apenas diferente.
E que tu estás lá para ele quando ele precisar. Mas tens de ter em atenção que não podes obrigá-lo a sentir o mesmo por ti. E pode chegar a
um ponto em que percebas que ele nunca irá esquecer a ex-namorada. E tu terás de decidir se queres continuar com um homem que por mais que
faças, nunca te irá amar como tu o amas.

                                                        
Dr. Coração

publicado por Dr. Coração às 23:27

08 Maio 2011

 

Caro Dr. Coração:

Eu amo um rapaz já há 1ano, e nós moramos um longe do outro. E ele tem uma namorada.

                                                        
Anónima

 

Cara Anónima:


Infelizmente, parece-me que tu nunca irás ter uma relação com esse rapaz. A distância faz com que ele não tenha oportunidade de te conhecer
melhor e o facto dele já ter namorada ainda complica mais as coisas. Eu sei que não é fácil, mas tens de tentar esquecer esse rapaz e seguir em frente com a tua vida. Um dia irás acabar por encontrar alguém que viva perto de ti e para quem sejas a única mulher da vida dele. Espero que penses no que te disse.

 

                                                          Dr. Coração

publicado por Dr. Coração às 12:51

07 Maio 2011

Caro Dr. Coração:



Eu comecei um relação com um amigo meu, tem 1 mês, e eu to gostando dele, mas ele tá agindo de uma forma que parece q num tá mais afim, ele num tá me dando mta atenção, no dia que marcamos pra ficar junto ele fica comigo, mas tem vezes q nos encontramos sem querer e ele fica mais com os amigos do q comigo.

No outro dia ele marcou comigo e depois disse-me que que ia beber com os amigos dele...mas fiquei desconfiada e não gostei...O problema q eu conheço-o mto bem...

É que ele nos ultimos namoros dele traiu mto  as ex-namoradas, e eu sabendo disso fico desconfiada dele, ele diz pra todos q tá me namorando...quero que ele me de atençào e me trate bem... ele disse q acha q eu não tou querendo nada com ele...pois acho q sou um pouco fria com ele...

 

                                                      Shenna, 20 anos

Cara Shenna:

 

O elemento mais importante de uma relação é a confiança entre as duas pessoas. No teu caso, não me parece que tu confies nele, pelo que tu conheces dele e pelo que ele fez no passado. Isso não é algo que augure um futuro para o teu namoro.

Por mais que duas pessoas gostem uma da outra, se não existir confiança, o tempo irá acabar por destruir a relação. Por isso, a única solução é
falares com o teu namorado e explicar os teus receios e em conjunto tentar resolver este problema. Fingir que o problema não existe irá
fazer com que as coisas piorem até um ponto em que será impossível salvar a relação.

                                                         
Dr. Coração

publicado por Dr. Coração às 20:48

28 Abril 2011

Caro Dr. Coração:

 

Tenho uma amiga. eu quero curtir com ela,mas tenho medo de perder a amizade. Ajuda-me por favor.

                                                          
Anónimo, 25 anos

 

Caro Anónimo:

 

Muitas vezes na nosa vida temos de arriscar, para conseguirmos aquilo que tanto desejamos. Porém, noutras ocasiões, acabamos por perder aquilo que temos por querermos algo mais. E normalmente é que acontece quando gostamos de uma amiga. Caso ela não sinta o mesmo por ti, caso lhe digas alguma coisa, irás acabar por mudar a relação entre vocês e as coisas nunca mais serão as mesmas. As coisas ficarão esquisitas entre vocês e ela sentir-se-á um bocado constrangida quando estiver contigo. Por isso, apenas deverás dizer-lhe alguma coisa, se tiveres alguma certeza de que ela possa querer a mesma coisa que tu. Caso não seja essa a situação, o melhor que tens a fazer para não perder a amizade dela, será não fazer nada e ter paciência. Mas a decisão é toda tua.

   

                                                            Dr. Coração

publicado por Dr. Coração às 20:30

12 Março 2011

 

Caro Dr. Coração:

Namorei por diversas vezes, namoros longos, já fui noiva, quase casei... tenho uma filha de 6 anos, o meu último ex namorado gostava bastante dela, mas o nosso relacionamento era péssimo. Em Dezembro, ele terminou comigo e disse para sair da vida dele.

No dia seguinte, eu estava muito triste e fui a um churrasco, e conheci uma pessoa. Foi algo inexplicável, nos beijamos naquele dia, e ele me enviava sms todos os dias no telemóvel, um mais romântico que o outro, começou a dar várias provas de interesse, fazia de tudo pra ficarmos juntos, era carinhoso, apaixonado, atencioso.


Mas um dia, ele começou a ficar diferente, os amigos começaram a dizer que ele é novo demais pra se amarrar (tem 24), e acabou de sair de um casamento (única namorada e esposa que o trocou por outro), e ele realmente passou a fazer o que os amigos diziam, começou a ficar meio distante comigo.


Ainda saímos algumas vezes, era maravilhoso, mas qdo ele ficava sob a influência dos amigos, mudava, dizia que tinha medo de se apaixonar, e sofre, não quer  e nem pode se envolver agora, que quer conhecer o mundo, fazer várias coisas... mas, ao mesmo tempo, não quer romper comigo. Eu tentei romper por 3 vezes, ele me pediu que não, que gosta muito de  mim, que se ele não estivesse tão ferido, e se não tivesse tanta curiosidade e vontade de curtir a vida, eu seria a pessoa que ele ficaria.


Qdo estamos juntos, é tudo perfeito, qdo ficamos longe, ele oscila entre viver, curtir, não se envolver, mas quer continuar saindo esporadicamente comigo...
inclusive, ele me diz que se eu sair e conhecer alguém e quiser ficar, tudo bem, desde que ele não veja, ele não sente ciúmes. Faz 1 mês que estamos juntos, não sei se desisto de vez, ou se tento conquistá-lo pois embora eu tenha tentando romper, ele não quer.
O que fazer? estou apaixonada por ele, mas preciso de uma direção a seguir, não sei se vale a pena arriscar...

                                                                      Lislie, 30 anos

 

Cara Lislie:

 

Parece-me que tu gostas imenso desse rapaz, mas ele ainda não está preparado para se envolver novamente numa relação mais séria, tendo em conta o que ele sofreu na anterior relação. Se tu gostas mesmo dele, então deverás esperar e dar algum tempo para que o coração dele recupere. Uma pessoa não recupera facilmente de um desgosto e acima de tudo de uma quebra de confiança. Mas o tempo ajuda a curar tudo e à medida que ele for estando mais tempo contigo, mais ele estará à vontade para ter algo contigo.

Mas talvez seja ainda um pouco cedo para ele e tu tens de respeitar isso. Se não estás disposta a esperar, mais vale acabar as coisas com ele neste momento. Mas se achas que ele pode mudar e que ele gosta realmente de ti, então deverás ter um pouco de paciência. A decisão não é fácil e tudo depende da evolução que tu esperas que ele tenha. Espero que tudo corra bem.
 

                                                                        Dr. Coração

publicado por Dr. Coração às 23:51

Janeiro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
pesquisar
 
Enviar Carta

Para enviar uma carta clica no botão seguinte:

 

Enviar carta

 

 

Ou envia para:

drcoracao@drcoracao.com

blogs SAPO